© 2018 Satya Kali

“A prática do pompoar proporciona o autoconhecimento e, com isso, aumenta a autoestima da mulher. Essas duas combinações deixam a mulher mais confiante e até ousada, se permitindo ter e dar mais prazer”

 

Com a contração e o relaxamento dos músculos vaginais a técnica permite também que os vasos sanguíneos sejam irrigados, o que aumenta a lubrificação vaginal e a sensibilidade feminina durante a prática do sexo.

História

É uma técnica milenar do oriente. Nasceu na Índia e foi aperfeiçoada na Tailândia. Os primeiros exercícios surgiram com uma transformação dos exaustivos exercícios tântricos preparatórios para o Maithuna (ritual do sexo sagrado). Essa transformação foi desenvolvida inicialmente pelas sacerdotisas dos templos da Grande Mãe para ser utilizada nos rituais de fertilidade. Com o passar do tempo a técnica foi se expandindo e tornando-se popular. Na Tailândia é costume passar a técnica de mãe para filha, assim como é costume que o futuro esposo pague um dote aos pais, e o valor depende da educação, dotes musicais e habilidades sexuais da futura esposa.

 

Ginástica semelhante foi desenvolvida na década de 1950 pelo ginecologista Arnold Kegel. Em 1952 Kegel "desenvolveu" alguns exercícios para mulheres que tinham problema de incontinência urinária. Com pesquisas ele descobriu que o músculo pubococcígeo estava fora de forma e não funcionava de maneira adequada. Exercitando esses músculos, o problema médico era resolvido e o potencial para sensações genitais e orgasmo era aumentado. Em parte porque o fluxo sanguíneo aumenta em músculos exercitados, e o aumento do fluxo de sangue está relacionado com a facilidade para excitação e orgasmo. Quando se aumenta a força de um músculo, aumenta-se seu suprimento de sangue, o efeito colateral: o aumento do fluxo de sangue para a pelve implica níveis mais elevados de excitação e orgasmos mais intensos.

Só se aprende a dominar os músculos do assoalho pélvico com a prática. Em cerca de um mês a mulher já consegue aumentar a flexibilidade dos músculos e com isso se beneficiar do pompoarismo mais a intenção é que a prática seja algo dinâmico e divertido praticado diariamente no início.

 

Costumamos dizer que a mulher que pratica o pompoarismo despertar sua Deusa interior pois ela  se sente mais viva, deixando aflorar a verdadeira mulher que existe dentro de cada uma de nós.

 

Afinal, a mulher que expressa a sua essência e se livra de bloqueios - como fadiga, fragilidade, confusão mental, fúria crônica, depressão, entre outros - tem um brilho no olhar.

Benefícios para Saúde:

 

  • Fortalecimento dos músculos da vagina.

  • Evita queda de bexiga.

  • Previne e ajuda no tratamento de incontinência urinária.

  • Melhora a lubrificação na menopausa.

  • Diminuição de cólicas menstruais.

  • Diminuição de prisão de ventre.

  • Facilita o parto normal e ajuda na recuperação.

 

Benefícios para a Sexualidade:

  • Aumento na libido.

  • Orgasmos mais intensos

  • Aumenta a produção de feromônios.

  • Auxilia no tratamento de vaginismo.

  • A musculatura vaginal treinada conseguirá fazer massagens e outros movimentos no pênis do parceiro.

  • É comum desencadear nas Pompoaristas mudanças no comportamento, conectando-se com seu poder pessoal, mudando a maneira de andar, de se vestir...

clique na imagem para ver em tamanho original